Bate-Papo Com Kecia Blog Dia-a-Dia Nos EUA

Bate-Papo (1)

O bate-papo da vez é com a Kecia, autora do blog Dia-a-Dia Nos EUA, produtora de conteúdo pro canal do YouTube com o mesmo nome do blog, e minha amiga.
A bagaceira foi grande e Newark ficou pequeno pra gente! Depois do vídeo super divertido comigo que saiu lá no canal dela, chegou minha vez de colocar essa danada no meu canal também, né não?!

“Minha vida tava toda redondinha, mas sabe quando você tem uma sede de mudar? Uma sede por coisa nova? Então eu falei cara… Conversei no meu trabalho, conversei com minha família, e falei: tô indo me aventurar!”

Essa mineira arretada está por aqui por New Jersey há 4 anos, batalhando todos os dias, e ainda dando conta de suas redes sociais, canal e blog. Um exemplo de quem corre atrás!
E que sorte que tenho de achar pessoas como a Kecia, e todas as outras que já passaram por aqui e vão passar, para dar seus testemunhos reais sobre o que é viver na América de Cima!

FullSizeRender (6)
Arquivo pessoal do Insta da Kecia – @dia_a_dia_nos_eua

“No Brasil a gente tá acostumado a trabalhar em escritório, segunda à sexta. O que eu mais tive dificuldade foi chegar aqui e trabalhar informalmente.”

Problemas para visualizar o vídeo? Clique aqui.

A Kecia fala muito sobre Estados Unidos e como é morar aqui, e fala também de beleza e lojas bapho pra você ir às compras! Além de que, ela tem um astral super pra cima! Então pra seguir ela nas redes sociais, é só add ela no insta @dia_a_dia_nos_eua e no snap kecia_eua – Se inscreve lá no canal, curte a página do face, e dá uma passada no blog também! Blz?!

Kecia, muito obrigada por ter topado esse bate-papo! Tô doida pelo próximo!

Eu sou Izabelle Azevedo, autora do blog #BelleNaAmérica.
Para atualizações diárias, é só seguir o Instagram e o Twitter @bellenaamerica, e o snap iammissbelle. E também se inscrever aqui no blog, no canal do Youtube, e curtir a página do face pra não perder nenhuma postagem!

———> Já conhece o #ProjetoEntrandoNoEixo? Clica aqui! 

Xo,
Belle Azevedo.

Anúncios

Road Trip – Os Encantos de Vermont

@bellenaamerica (2)

Chegamos em Vermont no fim da tarde, e pegamos uma garoa e temperatura bem diferente do que estamos pegando por aqui – que bom! Nem liguei pra chuvinha…
De cara, o caminho saindo de NY e entrando no estado já me passaram a impressão de que eu iria me apaixonar pelo lugar, e me arrepender de passar apenas uma noite por lá! Dito e feito!
Nossa primeira parada foi no centro da cidade para checar o Lake Champlain. Lá também tem o Centro Ecológico, vários restaurantes, e essa barraca fofa de sorvete.

@bellenaamerica (3)

Jantamos no Skinny Pancake. Eu peguei um crepe de Nutella que tava muito bom! E ainda tinha música ao vivo – bônus! hahaha Recomendo o lugar! A batata doce frita também não ficava por baixo, e ainda por cima não é caro.

@bellenaamerica (4)

No outro dia fomos à uma loja de lembrancinhas famosa de lá, chamada Vermont Gift Barn and Gallery – muito fofa! Vários tipos de artesanatos, doces e, claro, Maple Syrup.
Entramos atrás de ímã de geladeira, saímos com uma sacolinha de lembranças.

De lá, antes de irmos para a fábrica do famoso sorvete Ben & Jerry’s {que eu vou mostrar no próximo post}, passeamos um pouco pela Church Street Marketplace. Lá você encontra restaurantes, pubs, lojas locais e conhecidas. Acho que é o point à noite. Esqueci de tirar fotos, mas tá tudo aí no vídeo!

Se estiver tendo problemas para visualizar o vídeo, clique aqui.

A cidade de Burlington foi sem dúvidas umas das que mais gostei de visitar até agora. Acho que por ser uma cidade pacata, ao mesmo tempo divertida. Por ser uma cidade destino para faculdade, tem muitos jovens, então tem que ter opções de lazer. Também é bem turística – eu vi vários turistas, inclusive do Canadá {que é bem pertinho}, no verão vira refúgio das famílias que querem correr do calor intenso, ter diversão e tranquilidade.
Com certeza uma cidade que eu poderia considerar morar, só tem que pensar duas vezes por conta do inverno beeeeem pesado!

Sobre o hotel que ficamos: os hotéis no nordeste do país nessa época estavam bem salgados… Optamos por um hotel em uma cidade vizinha e economizamos um pouco. O hotel era bem limpo e confortável. Ficamos no Days Inn Shelburne, e recomendo!

Espero que tenham gostado de conhecer um tiquinho de Burlington, Vermont, comigo!

Eu sou Izabelle Azevedo, autora do blog #BelleNaAmérica.
Para atualizações diárias, é só seguir o Instagram e o Twitter @bellenaamerica, e o snap iammissbelle. E também se inscrever aqui no blog, no canal do Youtube, e curtir a página do face pra não perder nenhuma postagem!

———> Já conhece o #ProjetoEntrandoNoEixo? Clica aqui! 

Xo,
Belle Azevedo.

#ProjetoEntrandoNoEixo Desafio Setembro (Desafio 30 Dias)


Olá pra você que curtiu o desafio de 30 dias, e tava doido(a) pra saber qual é o do mês de setembro! Sua espera terminou! hahahahha :p

No mês de agosto tivemos o desafio de pelo menos um novo aprendizado/descoberta por dia.
#VouConfessarQue teve dia que eu não consegui relatar novos aprendizados, mas isso não significa que eles não aconteceram. Estamos aprendendo e descobrindo coisas novas o tempo todo. Nem tudo é perceptível, algumas coisas passam batidas. Por isso que é legal anotar! Nem todos os aprendizados ou descobertas vão nos marcar, mas isso não significa que são menos importantes.

Para o mês de setembro eu separei o desafio de termos, pelo menos, uma pequena alegria diariamente. A vida tá tão cheia de notícias ruins, acontecimentos que nos entristecem… Que tal tentar parar para observar as pequenas alegrias? Ou fazer essas pequenas alegrias acontecerem? Busque fazer algo que te dá prazer diariamente!
Claro que vou continuar postando a fotinho lá no grupo, pedindo pra você compartilhar sua pequena alegria! Compartilhar é legal, porque ajuda a engajar pessoas. E ajuda no comprometimento do desafio!

Vou deixar aqui o vídeo com a convite pro desafio desse mês. Tem menos de 40 segundo!
Se quiserem, compartilhem! 🙂

Se tiver dificuldade de visualizar o vídeo, clique aqui.

Se você curtiu esse post, não esquece de compartilhar, e também de entrar no grupo do projeto: Grupo no Facebook.

Eu sou Izabelle Azevedo, autora do blog #BelleNaAmérica, e aqui eu divido a vida de uma brasileira morando na América de Cima, e também os textos do #ProjetoEntrandoNoEixo.
Você pode conferir mais sobre o projeto aqui. Siga o projeto no insta @projetoentrandonoeixo, entra no grupo do face, e vamos botar nossos projetos pra frente!

Para atualizações diárias, é só seguir o Instagram e o Twitter @bellenaamerica, e o snap iammissbelle. E também se inscrever aqui no blog e no canal do Youtube pra não perder nenhuma postagem!

Xo,
Belle Azevedo.

Projeto Mães Intercambistas

Projeto Mães Intercambistas
Eu nunca havia parado pra pensar nisso. Não sei se pelo fato de eu já ter feito intercâmbio, ou por não ser mãe. Mas a verdade é que não existe intercâmbio para mães – mas e se elas quiserem estudar fora? Como que faz?

Descobri o projeto Mães Intercambistas através do Be Dream. O projeto foi um dos 9 escolhidos, dos mais de 4500 inscritos para participar do Be Dream Fund, iniciativa que a Bel Pesce desenvolveu com sua equipe para ajudar pessoas a tirarem seus projetos do papel.
E foi assistindo ao vivo o desenrolar desses 3 dias malucos propostos pela Bel, que pude ver e me inspirar naqueles 9 projetos. Um deles era o da Priscila.

“Conhecer a Bel, pra mim, foi assim incrível! Porque a Bel é uma pessoa extremamente inspiradora, extremamente energizada.
Você fala assim “mew, essa mulher não existe!”, mas ela existe, e ela inspira muitas pessoas.”

A Priscila Kotzent é produtora de conteúdo do Portal Mundo Mommy, onde ela compartilha, junto com sua equipe de editores, muita coisa legal sobre maternidade e desenvolvimento infantil.

11143637_892013344226209_8047247952141454183_n
Foto arquivo pessoal da Priscila.

Há mais ou menos um ano atrás, quando o Pedro tinha ainda 8 meses, entre uma mamada e outra, a vontade de estudar fora, que começou ainda quando ela estava tentando engravidar {a Priscila passou 4 longos anos tentando engravidar}, voltou.

Fui procurar sobre intercâmbio que dessem suporte a mães com filhos pequenos e foi então que me dei conta que não havia NADA, nadinha mesmo, sobre intercâmbio pensado para nós, mães com filhos pequenos.
Foi então que a lâmpada acendeu e eu pensei: “Se não existe um intercâmbio voltado para mães, eu vou criar um!”
Peguei papel e caneta e comecei a desenhar o que seria o Mães Intercambistas.
E ela conta um pouco mais sobre o projeto aí no vídeo! Clique aqui pra assistir!
Como disse aí no vídeo, a Priscila, nesse exato momento, tem 31 dias para arrecadar fundos para levar o projeto Mães Intercambistas à diante. Se você gostaria de ajudar, é só clicar aqui. A página te dá opções de valores, recompensas, e também de compartilhar nas redes sociais, que é outra forma de ajudar a Priscila a realizar esse sonho que, tenho certeza, não é só dela.

Você pode saber mais sobre a Priscila e seus projetos no Portal, no Instagram e Twitter @mundomommy, e pelo e-mail mundomommy@hotmail.com

Obrigada, Priscila, por ter tido essa ideia tão massa, e por ter compartilhado por aqui também! Você vai longe!

Se você quer saber mais sobre Be Dream Fund, é só clicar aqui.

Eu sou Izabelle Azevedo, autora do blog #BelleNaAmérica.
Para atualizações diárias, é só seguir o Instagram e o Twitter @bellenaamerica, e o snap iammissbelle. E também se inscrever aqui no blog, no canal do Youtube, e curtir a página do face pra não perder nenhuma postagem!

———> Já conhece o #ProjetoEntrandoNoEixo? Clica aqui! 

Xo,
Belle Azevedo.

Road Trip New England – Albany, NY

@bellenaamerica (1)
Apesar da passagem ter sido rápida, e do calor de matar, deu pra aproveitar um pouquinho de Albany, a capital do Estado  de Nova Iorque.
Primeiro fomos matar a fome num restaurante local {como sempre, a gente valoriza o comércio local, né?} chamado Café Madison. Não fomos muito com a cara gosto da comida…

De lá demos uma andada no centro da cidade. Cada prédio lindo! Arquitetura show! Tanto por lá, quanto nos arredores da cidade também.

@bellenaamerica
Um pouco do que vimos, e o esquilo que pousa para fotos… ❤

O legal sabe o que foi? Ver todo o caminho de Long Island, que é uma área que fica leste à NYC, passar por Manhattan, Bronx, sair da muvuca, e chegar até Albany. Depois disso, cabou-se! É só área rural – mas rural mesmo! Enfim… Fiz um vídeo curtinho da nossa primeira parada. O resultado tá aí!

Se não estiver conseguindo visualizar o vídeo, clique aqui.

Eu sou Izabelle Azevedo, autora do blog #BelleNaAmérica.
Para atualizações diárias, é só seguir o Instagram e o Twitter @bellenaamerica, e o snap iammissbelle. E também se inscrever aqui no blog, no canal do Youtube, e curtir a página do face pra não perder nenhuma postagem!

———> Já conhece o #ProjetoEntrandoNoEixo? Clica aqui! 

Xo,
Belle Azevedo.

Trabalhando Nos Estados Unidos: Opções Para Abrir Seu Próprio Negócio


Quando decidimos morar nos Estados Unidos, muitas vezes achamos que nossas opções de trabalho estão restritas ao óbvio: babysitting, trabalhar em restaurante, ou housekeeping, por exemplo. Muitas vezes porque não temos “documento”, ou até mesmo quem já tem a tão sonhada permissão de trabalho também.
O fato é que esses jobs são mais fáceis de conseguir, e dão uma grana legal. Uma cleaner com seu próprio schedule, pode chegar a faturar por volta de $1000,00 por semana {levando em consideração que ela trabalhe sozinha, fazendo 2 casas por dia a $100 cada – que é difícil}. Uma nanny que ganha em média $16/h, trabalhando 40h semanais fatura $640,00 por semana. E muitas vezes, esse pessoal não paga taxas ao governo, então o valor bruto acaba sendo também o valor líquido.
Aos que gostam do trabalho, é uma opção ótima. Mas aos que acham que não têm saída, a coisa não é bem assim. Saída tem, mas isso vai implicar uma demanda de tempo, dedicação, e coragem de sair da sua zona de conforto.

Contando com o fato de que ficamos meio perdidos quando mudamos de país, e que se achar não é uma tarefa assim tão fácil, vale a pena se pré-dispor ao novo e pesquisar alternativas de carreira. Pense fora da caixa: você é bom em quê? O que você se vê fazendo? Quais seus sonhos? Você tem experiência prévia de trabalho no Brasil, que acha que pode aproveitar/reciclar? Tudo isso deve ser levado em consideração.

As pessoas estão bitoladas ao pensamento de que vivemos para esperar a sexta-feira – if you know what I mean…Mas não precisamos viver empurrando o trabalho com a barriga. Outra coisa que as pessoas também precisam mudar, e é cultural, é achar que só existe um caminho, que não podemos mudar, e se tentamos e não dá certo, somos “perdedores” ou idiotas. Se hoje em dia até árvore eles mudam de lugar, e ela floresce, imagina a gente?

Eu descobri que sou apaixonada pelo mundo do empreendedorismo e marketing. Engraçado… No Brasil eu era da área de saúde {fisioterapia}. Mas a vida me levou à caminhos diferentes, e eu acabei me descobrindo em outros campos. Quem diria? Eu vir aqui, sem faculdade, mas com experiência de quem empreende e lida com pessoas há 16 anos, tentar passar uma mensagem positiva pra quem sente vontade de ter seu próprio negócio, sua própria prática, assumir as rédias e, como tá na moda dizer, virar protagonista. E vou te dizer uma coisa: sem precisar de diplomas.

office-620817_640

As opções são variadas. Aqui vou deixar apenas algumas.
Eu trabalho como Professional Organizer há 1 ano profissionalmente, informalmente, desde que me entendo de gente. Sabe o porquê? Essa é uma opção ótima pra quem é organizado nato, não requer diploma algum, e é necessário um baixo investimento financeiro. O que eu precisei foi me jogar no mundo dos negócios e marketing, que é fundamental para QUALQUER business – pequeno ou não.
Outra coisa que não precisa de certificação, e que existe demanda de mercado, é ser decoradora ou home stylist – você tem sim que entender de decoração, tendências, e ter um mínimo de noção de design de interior. Ótima opção pra quem tem uma queda pelo ramo, ou até mesmo estudou interior design no Brasil.
Lojas online é outro tipo de mercado que tá crescendo disparado. Acho que o que mais a gente busca hoje em dia é comodidade, não é mesmo? Se você mexe com artesanatos, não é difícil de começar lojinha no Etsy – claro que o marketing vai ser muito importante pra você fazer o mundo saber que suas peças existem, e convencer o cliente a comprá-las.
Tem talento pra maquiagem e outros afins do mundo feminino {ou masculino também, por que não?}? Já pensou em virar maquiadora/depiladora/designer de sobrancelhas? Já existe muita gente fazendo isso sim, mas a demanda de clientes é grande. E se você souber fidelizar, a clientela vai sempre voltar pra você.
Coaching – hoje em dia tem coach pra tudo! E você sabia que, pelo menos pra ser life e business coach, você não precisa de certificação? Acho meio complicado começar sem curso, mas é possível, então…

Só um detalhe: mesmo “sem documento”, é possível sim se virar. Tem muita gente que faz isso e tá muito bem hoje. É só você pagar as taxas {SIM! Tem que pagar a taxas. É chato, mas pelo menos aqui vemos retorno}. E tudo isso aí, você consegue começar a fazer em paralelo ao seu trabalho atual. É só saber se planejar!
E falando em planejar, tudo vai começar daí. Plano de negócio, estratégia, passo-a-passo.

Empreender não é fácil, e acho que não é pra todo mundo. Exige muito esforço, determinação, tempo, e paciência. Mas vale a pena. Vale a pena também pesquisar sobre novos mercados, o campo que você pretende entrar, tentar se aprofundar mais, e fazer cursos. Aprender nunca vai ser suficiente, e é um investimento com retorno, no mínimo, de estímulo do cérebro. Só agrega. Usar a internet pra achar fontes online gratuitas, no caso daqueles que não dispõem de recursos financeiros, pelo menos de imediato, é a maior dica que eu poderia deixar aqui. De grão em grão de informação, a galinha enche o papo – ou você enche seu caderninho de anotações.

Outra dica é, se você quer muito uma coisa, corra atrás. Nada cai do céu não! Deus ajuda quem trabalha, e quem sabe enxergar as oportunidades.

Se você quer saber como danado eu resolvi deixar de ser nanny, com 1 mês definitivamente de volta à América de cima, contei tudo aqui. Também fiz um texto sobre o sentimento de se sentir lost, que só a gente que mora/morou fora entende.

Eu sou Izabelle Azevedo, autora do blog #BelleNaAmérica.
Para atualizações diárias, é só seguir o Instagram e o Twitter @bellenaamerica, e o snap iammissbelle. E também se inscrever aqui no blog, no canal do Youtube, e curtir a página do face pra não perder nenhuma postagem!

———> Já conhece o #ProjetoEntrandoNoEixo? Clica aqui! 

Xo,
Belle Azevedo.

Bate-Papo Com Andréa Santana | Au Pair, Primeiro Emprego Nos EUA e Mais

Bate-Papo

 

Mesmo estando uma num lado do país, e a outra no outro, consegui fazer essa entrevista com a Andréa Santana. A Andréa mora em Sacramento, cidade que fica há duas horas de São Francisco, Califórnia. A ex Au Pair conta um pouco de sua experiência no intercâmbio, dificuldades, trabalho, e a vida na América de cima.

Foram situações completamente diferentes, mas tirei proveito. Passei bons momentos, passei momentos de dificuldades, mas foram anos maravilhosos.

FullSizeRender (3)
Arquivo do Instagram @soul_drea

Não foi fácil. Sim, eu senti dificuldades, mas eu sabia que teria que começar do zero, começar de baixo. Mas eu vim disposta, e eu entrei numa empresa de construção como recepcionista do escritório de Recursos Humanos.

Se tiver dificuldade para visualizar esse vídeo, clique aqui.

Não deixe de seguir a Andréa, especialmente se você pensa em ser Au Pair! Ela oferece consultoria para quem pensa em fazer o intercâmbio. Acessa o site pra saber mais.
Acessa o blog, segue ela no Face, e se inscreve no canal do YouTube.
A Andréa também tá no insta como @soul_drea e no snap como dreatac.

Eu sou Izabelle Azevedo, autora do blog #BelleNaAmérica.
Para atualizações diárias, é só seguir o Instagram e o Twitter @bellenaamerica, e o snap iammissbelle. E também se inscrever aqui no blog, no canal do Youtube, e curtir a página do face pra não perder nenhuma postagem!

———> Já conhece o #ProjetoEntrandoNoEixo? Clica aqui! 

Xo,
Belle Azevedo.

Road Trip – Antes de Pegar a Estrada

Viajar é ótimo, mas antes de você pegar a estrada {ou o avião}, é necessário planejar – até mesmo quem vai sem plano, tem que tomar algumas decisões.
No nosso caso, planejamos toda a viagem. Fizemos cálculos, financeiro e de tempo, e decidimos onde passaríamos e quanto tempo teríamos. Isso foi o básico.
Também fizemos mala, coisa que faço com todo o prazer {não é à toa que trabalho com organização ahaha}, separamos lanche pra viagem {já que estamos de carro}, checamos os pneus, e acordamos cedo pra arrumar tudo dentro do carango que seria nossa casa pelos próximos 9 dias.
Tudo isso dá um pouco de trabalho, mas é assim que fazemos para aproveitar o máximo de tempo possível. Viajar por 7 estados em uma semana não é tão easy, então o planejamento ajuda bastante.
No final, a quantidade de coisas que vemos no caminho, situações que passamos, realidades que conhecemos, fazem valer a pena cada minuto da viagem.
Fiz um vídeo com os preparativos finais, e o resultado você confere apertando o play.

Se não consegue visualizar o vídeo, clique aqui.

Quer saber como planejar uma road trip? Clica aqui.
Quer saber porquê viajar de carro pelos EUA é tão bom? Clica aqui!
E aqui eu te mostro como arrumo minha mala! 🙂

Espero que tenha gostado desse post de hoje!

Eu sou Izabelle Azevedo, autora do blog #BelleNaAmérica.
Para atualizações diárias, é só seguir o Instagram e o Twitter @bellenaamerica, e o snap iammissbelle. E também se inscrever aqui no blog, no canal do Youtube, e curtir a página do face pra não perder nenhuma postagem!

———> Já conhece o #ProjetoEntrandoNoEixo? Clica aqui! 

Xo,
Belle Azevedo.

Morando Nos Estados Unidos: Bed Bath Beyond X T.J.Maxx


Na minha passada por Nova Iorque eu visitei a Bed Bath and Beyond, e a T.J.Maxx de Upper East Side. Dei uma comparada básica entre as duas, para artigos de casa {cozinha e banheiro}, só pra constatar o que já sabíamos: “BBB” tem tudo de bom e bonito, mas nada de barato… Apesar de ter muitos itens que você não acha em lojas como a T.J.Maxx, a Bed Bath é bem pricy. É interessante pra pegar ideias e comprar no Amazon – fica a dica!
A Bed Bath também tem aparelhos eletrônicos pra casa, como aspiradores de pó, ferro de passar, liquidificadores, e conta com vários artigos para bebês.
Outra dica: lista de presente para casamento, chá de cozinha e de bebê: eles trabalham com isso também, e é uma ótima opção pra ir de presentes “baratinhos” até os mais caros…

A T.J.Maxx, que é da mesma linha da Marshalls e Home Goods {que eu a-do-ro}, tem artigos de casa dos mais variados, e com um preço bem acessível. Com sorte, você consegue achar itens na promoção/liquidação por um valor beeeeem baixo! Eu gosto muito das toalhas de banho, de cozinha, e de tapetes para banheiro. Fora a parte de decoração que é incrível também. Mas uma vez que você vê algo que te interessa, tem que levar e pensar depois, porque as coisas vendem rápido. E caso você se arrependa, é só devolver e pegar o money de volta.

Eu fui com a Débora Mendonça {By Débora Mendonça} checar um pouco, e mostro aí no vídeo pra vocês.

Se você não consegue visualizar esse vídeo clique aqui.

Eu espero que tenham gostado do post dessa sexta! Tem sugestão? Manda aí nos cometários! 😉
E à Débora, muito obrigada por ter tirado um tempinho pra me ver e gravar comigo! 🙂

Eu sou Izabelle Azevedo, autora do blog #BelleNaAmérica.
Para atualizações diárias, é só seguir o Instagram e o Twitter @bellenaamerica, e o snap iammissbelle. E também se inscrever aqui no blog, no canal do Youtube, e curtir a página do face pra não perder nenhuma postagem!

———> Já conhece o #ProjetoEntrandoNoEixo? Clica aqui! 

Xo,
Belle Azevedo.

Dicas Para Arrumar a Mala + Vídeo

luggage-1149289Eu ouço muita gente dizendo que “odeia arrumar a mala”, que “é um saco”, “a pior parte da viagem!”… Mas gente, não tem que ser assim! Se você é uma pessoa básica, aposto que é super fácil de arrumar sua mala. Se você não é uma pessoa tão básica assim, tipo eu, segue essas dicas e assiste o vídeo!

1 – Quantos dias você vai passar? Qual o clima do local? Qual o propósito da viagem?
O que vai na sua mala vai variar de acordo com temperatura, duração da viagem, e o motivo/o que você vai fazer no local.
A quantidade de roupas que você vai levar deve ser de acordo com o tempo que vai passar fora. Já vi gente saindo pra passar um fim de semana, querendo levar o guarda-roupa inteiro. Não dá, né?
Checar o clima local também é muito importante, assim você não erra e passa frio ou calor – já tive que comprar luvas e gorro de emergência por achar que o local não estaria tão frio, e estava congelante. Cheque uma semana antes, 4 dias antes, e no dia anterior da viagem.
Você vai para a praia, mas tem a possibilidade de ir à um restaurante mais requintado? Coloque um vestido e sandália legais de reserva.

2 – Faça uma lista do que precisa levar.
Eu sou suspeita pra falar de listas, pois uso o tempo inteiro, pra tudo. Quando é pra viagem, é uma boa também, assim você não esquece o que precisa.

3 – Coloque tudo na cama!
Eu coloco TUDO em cima da cama antes de arrumar a mala. Assim eu posso não só ver se estou esquecendo algo, como também ter uma ideia de espaço necessário.

4 – Lembre-se de verificar tamanho e peso permitidos!
Viajar de avião requer cuidados com a dimensão e peso das malas. Até onde sei, do Brasil é permitido levar 1 mala de até 23 quilos em voos nacionais, e duas malas de até 32 quilos em voos internacionais {nem todos os países de destino se encaixam nessa regra}.

5 – Cuidado com líquidos!
É preciso ficar atento às restrições em voos internacionais. Lembre-se que é permitido levar só até 50ml {no frasco deve ter especificado a medida – frascos que comportam mais que isso, mesmo que quase vazios, serão confiscados}, dentro de uma bolsa plástica e transparente.
Em voos dentro dos Estados Unidos, mesmo nacionais, essa regra também se aplica sem exceção.

Cheque aqui a lista de regras de acordo com as cias aéreas.

6 – Não se desespere!
Se suas coisas não estão cabendo da mala, tente uma nova estratégia de organização, ou retirar algumas peças que possam ser desnecessárias.

Eu já mudei de país 5 vezes! Não foi fácil enfiar uma vida dentro de 2 malas {uma das vezes foi em uma mala mesmo…}, mas eu consegui, desapeguei de muita coisa, e sobrevivi.
E quer saber? Com organização e sendo racional, é possível fazer a mala, e até manter a danada organizada durante a viagem.

Já que tô pegando a estrada, finalmente fiz um vídeo mostrando um pouquinho como arrumo minha mala.

Se você não consegue visualizar esse vídeo, clique aqui.

Tão importante quanto arrumar a mala, é desfazer a mesma quando voltamos pra casa, hein? É até mais fácil, né? A maioria da roupa deve ir pra trouxa de roupa suja. O resto você arruma enquanto ouve música. Só não vale procrastinar, hein? hehehe

Eu sou Izabelle Azevedo, autora do blog #BelleNaAmérica.
Para atualizações diárias, é só seguir o Instagram e o Twitter @bellenaamerica, e o snap iammissbelle. E também se inscrever aqui no blog, no canal do Youtube, e curtir a página do face pra não perder nenhuma postagem!

———> Já conhece o #ProjetoEntrandoNoEixo? Clica aqui! 

Xo,
Belle Azevedo.